Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Influenciadores

Dicas, partilha de experiências e best practices sobre blogging e influenciadores digitais

24.Set.17

Flash Tips com Elsa Fernandes, especialista em escrita para a web: 5 Dicas para escrever para a web

 

elsa_fernandes.JPG

Elsa Fernandes é licenciada em Jornalismo e pós-graduada em Marketing Digital. Depois de uma carreira no Jornalismo, decidiu dedicar-se ao marketing e comunicação digital, especializando-se em escrita para a web e outros formatos digitais. 

É também consultora nas áreas de marketing de conteúdos, web copywriting e redes sociais, formadora e oradora convidada em diversos eventos ligados ao marketing e comunicação.

Lançou o livro 101 Erros de Português que Acabam com a sua Credibilidade, onde apresenta de forma simples 101 erros e dúvidas de português comuns em contexto profissional, recorrendo a exemplos práticos e truques para serem evitados. O livro é pensado, sobretudo, para marketers, copywriters, bloggers, jornalistas, gestores de conteúdos e gestores de redes sociais.

 

Apesar da web se estar a tornar cada vez mais visual, com o formato vídeo a conquistar novos fãs todos os dias, o texto continua a ser um elemento de comunicação fundamental e escrever de forma eficaz é essencial para quem trabalha online. Ficam algumas dicas para criar conteúdos de qualidade e conquistar novos leitores.

 

1. Definir a minha audiência e os meus objetivos

Este deve ser sempre o primeiro passo no processo de produção de um texto, quer se trate de um post para um blogue ou de uma publicação nas redes sociais. Com quem quero comunicar? Qual é a mensagem que pretendo passar? Podem parecer perguntas de resposta óbvia, mas refletir alguns minutos sobre elas vai ajudar-nos a escrever mais rapidamente e com mais foco. No vosso próximo texto façam a experiência: imaginem a vossa audiência como uma pessoa específica e escrevam como se estivessem a conversar com ela. O conteúdo será muito mais simples e fluido.

 

2. Simplificar o discurso

Na web, simplicidade é a palavra de ordem: quanto mais simples for um texto, mais facilmente será entendido. Estas são algumas técnicas que ajudam a tornar o discurso mais claro:

- Escrever frases curtas, idealmente com uma ideia por frase;
- Separar os parágrafos com uma linha para facilitar a leitura no ecrã;
- Entre duas palavras com o mesmo significado, escolher a mais simples. Por exemplo, “ver” em vez de “observar”;
- Usar listas por pontos ou por números (como optei por fazer neste post);
- Escrever subtítulos (idealmente, um a cada 300 caracteres);
- Preferir a voz ativa.

6.jpg

 

3. Escrever bons títulos

O título é um dos principais elementos de promoção de um texto e devemos dedicar algum tempo a escrevê-lo. Um post fantástico, com um título desinteressante, dificilmente conseguirá captar a atenção. Um bom título é direto, forte e incita o leitor a continuar connosco. Escrever títulos em forma de perguntas, usar adjetivos e palavras fortes e colocar o leitor no centro da ação são formas de captar a atenção.

 

4. Rever, rever, rever

Terminamos o texto e só queremos carregar no botão “publicar” e partilhá-lo com o mundo. O ideal é não ter pressa e investir no processo de edição e revisão. Estas perguntas podem ajudar a olhar de forma crítica para o que escrevemos e perceber se há pontos a melhorar:

- O texto é claro e tem uma estrutura lógica?
- Posso cortar algumas palavras ou mesmo frases?
- O título é forte e verdadeiro?
- Não há erros ortográficos?
- Usei as palavras-chave certas para facilitar a indexação do meu texto pelos motores de pesquisa?

2.jpg

 

5. Promover o meu conteúdo

Escrever bom conteúdo é apenas o primeiro passo. Depois, o texto deve ser promovido para que tenha impacto e chegue a uma audiência mais vasta. Aliás, promover o que escrevemos deve merecer tanta atenção como a escrita propriamente dita. São inúmeras as formas de divulgar conteúdo. Estas são algumas das minhas favoritas:

- Partilhar o conteúdo nas redes sociais de forma relevante e com o cuidado de experimentar diferentes horários e copy;
- Partilhar o conteúdo com outros influenciadores, procurando gerar conversas interessantes em torno do tema abordado;
- Criar elementos visuais apelativos que permitam partilhar o conteúdo no Instagram e no Pinterest;
- Partilhar o conteúdo com os subscritores da vossa newsletter.

 

 

Obrigada pelas dicas Elsa!

 

2 comentários

Comentar post